19 de mar de 2011

Lightroom - Usando presets a seu favor - Parte 03



Hey! Só pra usar o clichê de que o ano só começa após o carnaval: Feliz ano novo! Pronto pra finalizar esta serie com dicas sobre uso e download de presets de revelação [develop presets]? * Hein? não leu os dois anteriores? Ok, ok, vou facilitar pra você com os links, então... - parte 01 (beabá) - parte 02 (criando presets) Situou-se? Ótimo. O post de hoje foi o que deu nome à serie. Porque não adianta nada ter tanto trabalho pra fazer aqueeeela foto, e depois clicar em random e chamar de "tratamento" (não, o Lr não possui um comando "random" - relaxe aí). 7] Download / instalação de presets Após o download (que você sabe fazer desde que inventaram o ICQ, e portanto nem precisa ler o aviso "não saia baixando de qualquer lugar, use sites nos quais confia ou indicados por pessoas ou sites confiaveis"), há duas maneiras de instalar as predefinições de revelação: - a simples Piece of cake! Quando baixar até três presets (não, não há um número limite, mas você vai ficar cansado de repetir o processo), vá ao painel da esquerda e clique com o botão direito do mouse em qualquer lugar da área de predefinições, exceto "predefinições do Lightroom" (porque aí o menu certo não aparece) , e então clique em "importar."
. eu cliquei em "predefinições do usuário" . em pastas personalizadas, pode-se ver "renomear" e "excluir pasta"
Procure/clique no arquivo, e então "importar" (lembre-se que o arquivo deve terminar com .lrtemplate)
. o Lr não enxerga a pasta "transferencias" do Mac, portanto, mova-os antes disso . estes presets podem ser encontrados aqui
Pronto, o preset será instalado dentro da pasta onde você clicou. Se você tiver clicado na pasta errada, basta arrastar o preset para outra. - a muito simples Além de permitir a instalação simultanea de todos os presets, você não precisa abrir o Lr só para isso (ou seja, aquele download aleatorio de um dia qualquer sem Lightroom tem menos chances de ser esquecido).
Basta copiar/mover (como preferir) os arquivos para a pasta de presets do Lr.
no mac biblioteca/application suport/adobe/lightroom/develop presets/user presets no windows c:/windows/arquivos de programas/adobe/lightroom/develop presets/user presets
ao criar pastas, tanto faz colocá-las dentro ou fora de "user presets"- no Lr elas não viram famílias.
Assim que abrir o programa, tudo estará em seu devido lugar. 8] Uso de presets - "fica aS dica" Como usar presets é só clicar no nome do dito cujo e piscar, que está pronto, a melhor maneira de falar deste quesito é dando dicas: - seja organizado: crie (e use!) quantas pastas forem necessárias se presets existem para agilizar o nosso trabalho, de que adianta baixar 8 mil presets numa mesma pasta e depois ter que ficar procurando feito louco ondéquetáquelabodegaque...? - seja organizado (2): dê nomes que façam sentido para você Não importa se você criou ou baixou, tirando o fato de você ser o único a saber como funciona a sua memoria, vamos combinar que "HeleneRex_rdhwbxxx2" não deve servir de ajuda nem à própria Helene.
a minha nomeação varia entre o que realmente fiz (nitidez, filtro, tom) e como interpretei o resultado do primeiro uso (laranjinha, flamingo, fauvismo), mas geralmente tem as duas informações
- seja prático: feche as pastas sem uso Sem embromation: é mais rápido chegar ao seu histórico (por exemplo) quando pastas quilométricas estão abertas ou fechadas?
Nem merece legenda
- não seja preguiçoso: modifique presets ok que o Lr já vem com uns presets super legais, e que você só baixa o que é muito interessante, mas já parou pra pensar que t.o.d.o.m.u.n.d.o. faz isso? Se o que está editando é um trabalho, e não as fotos do churrasco da prima da vizinha numa Tecpix, por favor, tenha um cuidado especial.
foto com preset
foto com preset e "algo mais"
- seja original: personalize presets oras, se não há limite para criações de presets, por que não pegar aquele efeito pronto, transformar a seu modo e salvá-lo? Mas faça o favor de deletar o que você não vai usar (ou, se o preset não for do Lr, clicar no nome dele com o botão direito e mandar atualizar o preset com as novas configurações). Lembre da parte 01 desta serie, onde eu disse que salvar cada movimento seu mais confunde do que ajuda.
. direita com o mesmo efeito da esquerda, porém com alteração drástica na exposição e retirada de filtro - mereceu ser salvo como novo preset
- entenda / desmembre / fuxique os presets de que adianta ter um programa complexo desses, se você não aprende como criar aquilo que gosta? Não há preset secreto, tudo o que você tem a fazer é observar o que muda quando ele é aplicado. Vai dar um trabalhão no principio, mas com o tempo você começa a "chutar" nos lugares certos.
- hummm... só altera WB, tom e presença? Bom saber...
Além de ajudar a entender o Lr, analisar os presets faz com que você tenha novas ideias.
abra também as ferramentas de remoção de manchas, filtro, pincel. Você pode descobrir que "o" preset era só uma aplicação de cor num lugar estratégico, por exemplo.
Well, well... acho que chegamos a um entendimento aqui, né? Presets são amigos da rapidez, mas podem ser inimigos da individualidade e do aproveitamento de neuronios. Use-os* bem!
* os presets. mas os neuronios também.
Participe deixando seu comentário, dúvida ou sugestão. Lembre-se: Sua participação é muito importante para o blog e para todos os leitores que acessam o Canal Adobe Photoshop.
Sobre a Autora:
Ma, Bilder Esta que vos escreve é a Ma, Bilder - carioca, fotógrafa, produtora de Moda e fã incondicional do Lightroom há 1 ano e meio, quando fez um curso que mudou sua visão sobre a própria fotografia. Fugiu do Rio pra São Paulo em 2009 em busca de um melhor mercado, mas pretende voltar pra "terrinha" assim que estiver rica, muito rica. Tentando sobreviver sob as novas regras ortográficas da Língua Portuguesa, twitta via @maBilder, e mantém seu portfolio em www.mabilder.com
Pin It now!

Seja o primeiro a comentar ;)

Postar um comentário

- Todos os comentários passam pelo sistema de moderação antes de serem exibidos.
- Comente com o OpenID ou com o nome/url do Blog, assim, poderei retribuir a visita.
- Se você escreveu ou encontrou um artigo interessante e que seja relacionado ao post, o link para esse artigo no comentário é bem vindo.
- Pedidos de parcerias, somente por e-mail.
- Dúvidas que não forem relacionadas ao post, somente por e-mail.
- Comentários que não tenham nada a ver com o post e com links definidos como SPAM serão rejeitados IMEDIATAMENTE.
- Se você deseja divulgar seu site ou blog, entre em contato por e-mail solicitando um orçamento.


Agradecemos a visita e o seu comentário no Canal Adobe Photoshop

  ©Canal Adobe Photoshop - 2008 - 2016 - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo